Tag: Término

Como saber se chegou o fim

Não espere até que as luzes de atar cintos estejam apagadas. Não existe nenhum sinal. É a gente que tem que decidir a hora de levantar e deixar a cadeira vazia. Liberar o coração do outro para as próximas viagens. Deixar-se ir. Preservar o respeito que resta para que ambos consigam sair de pé.


Como saber se ela me quer só como P.A?

Este é mais um post da categoria “Se Eu Fosse Você”. Não sabe do que estamos falando? Entenda aqui.

Para começar essa sexta, um caso muito comum, afinal, quem nunca passou por isso. Quando viveu algo semelhante o que você fez?


Porque é difícil largar o osso quando ainda existe amor

Tudo que eu queria era desaprender desse tal de gostar. Talvez não por completo, desses aprendizados que transformam tanto a travessia da gente que logo se esquece como é que se conduz o amor. Mas só um pouquinho. Só o suficiente para encher os pulmões de ar,


Não precisava ter sido assim

Eu joguei a coisa toda no ralo, não foi? Não faço ideia do que acontece com a gente depois do fim, principalmente quando fui eu quem decretou o tal fim.

Depois de ter reunido algumas desculpas e ligado o rádio,


Coisas que eu teria feito diferente se ainda estivéssemos juntos

Pode ficar tranquilo, não é pressão ou lavação de roupa suja. Dia desses me peguei pensando que tipo de coisa a gente teria se tornado se ainda fossemos “a gente” ao invés de eu e você. Acho que muita coisa seria diferente hoje.


Você também vai passar

Pode ser que você ligue mais uma vez e eu não atenda. Que essa saudade que dói aqui, agora, em miúdo, se compasse em todos os graves e agudos da sua voz. E eu não vou ouvi-la. Eu vou entregar as suas coisas na portaria do seu prédio, sem um cartão ou um bilhete qualquer.


Amor verdadeiro também acaba

Num papo mais parecido com uma sessão de análise, uma amiga confessou que ainda gostava de um ex namorado. Até aí, nada demais; milhares de pessoas pelo mundo sentem amor por ex parceiros. O que é estranho é ainda gostar de alguém com quem se viveu uma relação que teve um final doloroso, sofrido demais.


10 lições que só um pé na bunda te ensina

O pé na bunda, diferente de gnomos, Papai Noel e a Mel Lisboa dando mole pra mim, não é uma invenção da nossa imaginação: ele existe. Dói. É amargo igual conhaque puro. Desce rasgando igual navalha. E todo mundo vai passar por isso, ao menos uma vez na vida.


17 sinais de que seu relacionamento já foi para o brejo

Amores e parcerias, infelizmente, não têm contrato vitalício. A gente investe, a gente insiste, a gente entrega nosso coração de bandeja e alma lavada até quando existir cuidado, respeito e reciprocidade.


Perdi o tesão pelo meu namorado. E agora?

Este é mais um post da categoria “Se Eu Fosse Você”. Não sabe do que estamos falando? Entenda aqui.

Um Se Eu Fosse Você sincero, cheio de sentimentos confusos precisando urgente de um bom conselho!


Memórias de um bêbado: sobre a vida sem você

Sábado à noite abro o armário e escolho a melhor roupa. Aquela que propositalmente passará a mensagem que quero. A que me deixará mais bonito, sem ser inatingível. A que me deixará gostoso, sem parecer fútil. A que me trará uma felicidade momentânea, um aconchego ao ego, mesmo que a única roupa com a qual eu gostaria de estar


Casal Recomenda: o museu das relações terminadas

Esse post é mais um Casal Recomenda, um quadro que acontece toda quarta aqui no site, no qual damos dicas de conteúdos bacanas e inspiradores sobre sexualidade.

Após o término de sua relação, Olinka Vistica e Drazen Grubisic fundaram o Museu das Relações Terminadas,


Crônica da despedida

Terminou. E você, como sempre, estava certa: tudo termina. Às vezes de um jeito rápido, como um estalar de dedos. Noutras, como agora, tudo parece se arrastar em câmera lenta, um filme noir que não tem pressa para chegar ao fim.

Hei de aproveitar cada instante dessa dor, desse pesar, desse emaranhado de lembranças porque sei que,


É que hoje eu acordei sozinho – Os primeiros minutos na vida de um recém-solteiro

Todo mundo fala sobre como a cama parece grande nesses momentos, mas você nunca vai saber realmente até acontecer com você.