• Todo mundo tem o amor que acha que merece
  • O que fazer quando ele é obsessivo por sexo?

Todo mundo tem o amor que acha que merece

A felicidade assusta. Para ser feliz, é preciso ter coragem. Muitas pessoas evitam de todas as formas ser feliz porque para isso é preciso acreditar que elas são merecedoras da felicidade. Com medo de encarar a felicidade de frente, elas se sabotam.


O que fazer quando ele é obsessivo por sexo?

Este é mais um post da categoria “Se Eu Fosse Você”. Não sabe do que estamos falando? Entenda aqui.

Hoje é dia de ajudar um leitor com dúvida. A questão de hoje é simples e temos certeza que você terá algumas boas dicas para deixar aqui.


Por um amor de corpo inteiro

O amor por si só já nasceu para ser flor colorida e vistosa no meio da aridez do deserto. Sentimento que desabrocha no mais cálido e improvável dos solos férteis que existem dentro da gente. De uma mísera migalha de afeto pode logo romper uma árvore estrondosa, dessas que vive perene e impetuosa por milhões e milhões de anos.


Eu só gosto de gente bonita

As portas da igreja se abriram e lá estava ela, linda como eu já imaginava, ao lado do pai emocionado. Olhou para o altar com um encantamento de menina, sorriu e se deram as mãos. Antes do primeiro passo, ela virou-se pro pai, beijou sua mão e perguntou com toda doçura do mundo: vamos?


5 atitudes que estragam qualquer relacionamento

Se você chegou até esse post com a esperança de encontrar o segredo dos relacionamentos felizes, desculpe te desapontar: essa fórmula não existe. Mas com os anos de observação e pesquisa aqui no Casal Sem Vergonha, conseguimos identificar alguns erros frequentes que tendem a estragar os relacionamentos atuais.


Série fotográfica retrata emoções femininas depois do fim de relacionamentos

Esse post é mais um Casal Recomenda, um quadro que acontece toda quarta aqui no site, no qual damos dicas de conteúdos bacanas e inspiradores sobre sexualidade.


Deixa na portaria

Quantas vezes eu deixei objetos e mensagens na portaria daquele prédio? Meia dúzia de vezes, pelo menos. A cada ruptura eu passava lá, neuroticamente, para deixar as coisas dela que haviam ficado em minha casa: roupas, colares, óculos, livros. Era um jeito bobo e agressivo de sinalizar minha disposição


Como saber se chegou o fim

Não espere até que as luzes de atar cintos estejam apagadas. Não existe nenhum sinal. É a gente que tem que decidir a hora de levantar e deixar a cadeira vazia. Liberar o coração do outro para as próximas viagens. Deixar-se ir. Preservar o respeito que resta para que ambos consigam sair de pé.


Não se contente com um amor de migalhas

Era uma vez Juliana, menina de andar descompromissado, cabelos acastanhados e olhos que sorriem delicadamente ao menor sinal de um abraço. Juliana faria 35 anos ao final da primavera, e de antemão já preparava o pote de sorvete sortido para afogar as mágoas de não ter se casado


5 tipos de orgasmo feminino

Esse é mais um post da sessão Rapidinhas, que toda segunda-feira traz dicas práticas, objetivas e sem mimimi para os leitores inovarem na cama.

Dizem por aí que as mulheres são complexas – e nem elas costumam negar essa afirmação!