Quem ama também pode se soltar na cama

Numa conversa com um amigo, perguntei como andavam as coisas no namoro. Papo vai, papo vem e ele me diz que se sentia bem, mas um pouco travado com a namorada. Ele tinha receio de ser 100% sexual com ela, o que incluía enviar nudes no horário de trabalho, sugerir umas coisas novas, falar putaria na hora do sexo e coisas do tipo. Estranhei o porquê disso, afinal de contas, se a gente tá com uma pessoa, é normal que nós desenvolvamos confiança.


Ele te traiu e a culpa é só dele

É só dele. Ponto. Poderia encerrar aqui, mas eu sei que seu cérebro está dando voltas e seu coração está pesando. A insegurança está batendo na porta com o medo vindo junto, de mãos dadas. Tranca essa porta logo e repete consigo. Não foi você quem causou isso, não importa o que ele alegue.


Trata ela melhor

Espero que você não fique competindo com ela para ver quem é o melhor na vida, colocando seus interesses pessoais acima do que sente. Deixa essa coisa de querer ser o melhor do casal, o que ganha melhor, o que tá melhor vestido e para pra pensar na pessoa que tá do seu lado de mãos dadas com você.


Como eu amava antes de você

Tem coisas que acontecem nas nossas vidas para provocar uma reviravolta nas nossas certezas. Você pra mim foi uma delas. Um furacão de loucuras, novidades e desatinos que não me deixavam dúvidas: antes da sua chegada eu não sabia absolutamente nada sobre o amor.


3 micos que a gente já pagou no Dia dos Namorados

Quer saber como tornar um dia romântico como esse em um momento constrangedor? No vídeo de hoje contamos três histórias que aconteceram com a gente e que não queremos que você repita!


A intimidade é uma conquista lenta e preciosa

Relacionamentos são sinônimos de descobertas. Ninguém entra em uma relação sabendo absolutamente tudo sobre o outro ou sobre os caminhos que o esperam. O gostoso de começar uma jornada nova ao lado de alguém é justamente este processo de autoconsciência e de percepção do parceiro que pouco a pouco vão dando sentido a esta travessia a dois.


Vai doer a ausência dele

Quando você se virar na cama e esbarrar o braço num travesseiro, perceber a consistência diferente e abrir os olhos pra não encontrá-lo ali, vai doer a ausência dele. Vai doer no meio do teu medo de escuro, na falta que faz as trocas de lado e posições até que vocês acabassem se encaixando de algum jeito, o excesso de frio ou de calor que fazia as cobertas voarem ou serem disputadas.


Tudo o que a gente precisa é de sexo, amor e um pouquinho de chocolate

Ser feliz não é uma tarefa muito difícil, na grande maioria das vezes quem complica a coisa toda somos nós mesmos. São tantos empecilhos, obstáculos e restrições que a gente coloca no meio do caminho que o que realmente importa, as pequenas delicadezas que fazem cada segundo das nossas vidas valerem a pena, acabam sendo esquecidas. É preciso se atentar aos detalhes que são invisíveis aos olhos e essenciais ao coração.


Quem ama, não cobra

Ninguém gosta de ser cobrado. Um relacionamento cheio de cobranças está fadado ao fracasso. E se te cobram muito um trabalho, fazê-lo será penoso, mesmo que você adore esse trabalho.

A felicidade precisa de vontade, e a vontade sai correndo quando avista a cobrança em um raio de 100m.


Talvez sejamos apenas mais um

Cair no conto do vigário é, de fato, muito fácil. Principalmente quando já existem sentimentos, passados e histórias precedentes fortalecendo a trama. Ainda mais perigoso é o fator intensificador chamado carência.


Ele não vai largar ninguém por você

Ouvi essa história algumas vezes. “Olha, eu te amo, mas não posso deixá-lo agora, ele precisa de mim”. E ele sempre usava o estado depressivo do namorado, os problemas no trabalho, a tal dependência emocional que o guri tinha dele para me convencer de que era questão de tempo.


Se tocar é um ato de resistência

Eu tenho amigas que nunca tiveram um orgasmo. Mais de 70% das brasileiras, segundo pesquisou a Folha em 2010,  pasmem, nunca tiveram um orgasmo com seus parceiros.

Tudo bem se você está nessa estatística e nunca teve um orgasmo com o seu parceiro.


Seu príncipe encantado nunca existiu

Príncipes não existem. Até existem, mas passam longe de ser encantados. São humanos, cheios de erros, acertos, belezas e feiuras, como todos nós. Mas deixemos a realeza um pouco de lado e pensemos no nosso cotidiano, não tão real assim.


Amar dá trabalho

Todo mundo quer o amor, mesmo que não prioritariamente. O que pode uma criatura, perguntou Drummond, entre outras criaturas, senão amar?

A minha geração responderia a essa pergunta ao seu modo debochado e nada poético: