• O que é que o Grey tem?
  • Como evitar os barulhos vaginais durante o sexo?

O que é que o Grey tem?

O que é que o Grey (personagem umidificador de calcinhas do livro/filme 50 Tons de Cinza) tem de mais fascinante?

Dinheiro? Nananinanão. Ou todos os ricaços do planeta seriam capazes de provocar orgasmos múltiplos


Como evitar os barulhos vaginais durante o sexo?

Este é mais um post da categoria “Se Eu Fosse Você”. Não sabe do que estamos falando? Entenda aqui.

Hoje é dia de dúvida sincera de algum leitor e de vocês prepararem as respostas mais autênticas em retribuição.


Se arrepender é humano

Regrets and mistakes, they’re memories made… é um verso de uma balada triste, composta e cantada lindamente pela Adele. A música tocou no rádio de alguém, a voz poderosa da inglesa atravessou as janelas e corredores do prédio até chegar no meu quarto, onde me encontrou deitada,


Não precisava ter sido assim

Eu joguei a coisa toda no ralo, não foi? Não faço ideia do que acontece com a gente depois do fim, principalmente quando fui eu quem decretou o tal fim.

Depois de ter reunido algumas desculpas e ligado o rádio,


Pesquisas comprovam que sexo supre vontade de comer doces

Esse post é mais um Casal Recomenda, um quadro que acontece toda quarta aqui no site, no qual damos dicas de conteúdos bacanas e inspiradores sobre sexualidade.


Escolha a menina que…

Escolha a menina que você sente falta depois que a festa acaba, a bebida esquenta e a música para. A que você tem vontade de dormir de conchinha e sinta dó de tirar o braço dormente debaixo dela.

Escolha a menina que você gosta de conversar até de madrugada,


O Carnaval se foi – e já deixou saudades

Já dizia a música: todo Carnaval tem seu fim! O lado bom é que teve folia, teve festa, teve gente feliz, teve abraços, teve beijos, e teve muitos sorrisos! O Carnaval se vai mas deixa sempre aquela nostalgia dos dias nos quais todo mundo se permitiu ser feliz,


Aos amores de Carnaval

Ele escreveu mais uma carta de amor, mas não a entregou. Essa poderia ser a sua história ou até quem sabe a minha, mas hoje falo sobre o Pierrot. O alvo das suas cartas e também de sua afeição era uma jovem chamada Colombina. Como todo amor covarde e mal-resolvido,


Você também está só

Suponho que ninguém mais acredite em “felizes para sempre”. Ainda bem.

Na geração do sexo banalizado, dos casamentos que duram um mês e da pegação escancarada e sem compromisso, é reconfortante pensar que as pessoas já compreendem que nada dura para sempre,


Amor não se mede no calendário

Lembro-me bem das bodas de ouro dos meus avós maternos. Eu devia ter uns doze anos quando a festa aconteceu, em um salão perto da casa em que morava na época. Depois de uma missa, respeitando toda a tradição religiosa dessa parte da família,