• Carta para a filha que quero ter
  • Rapidinha: 3 dicas para não deixar o sexo<#break#> cair na rotina em relacionamentos longos

Carta para a filha que quero ter

Querida filha,

Assim como seu irmão, chegou a vez de você receber sua carta. Carta, essa, escrita muito antes de eu sequer te chamar assim, de Lia, três letrinhas doces e sutis, pela primeira vez.


Rapidinha: 3 dicas para não deixar o sexo cair na rotina em relacionamentos longos

Esse é mais um post da sessão Rapidinhas, que toda segunda-feira trará dicas práticas, objetivas e sem mimimi para os leitores inovarem na cama.


O amor me envelheceu – sobre as marcas que o amor deixou

O reflexo no espelho do banheiro, invariavelmente, não é mais o mesmo. Vejo olheiras embaixo dos olhos fruto das inúmeras noites mal dormidas, pés de galinha que contam mais histórias do que os sertões de Guimarães


Me apaixonei por uma mulher que é assexuada. E agora?

Este é mais um post da categoria “Se Eu Fosse Você”. Não sabe do que estamos falando? Entenda aqui.

O caso de hoje é tão inusitado que não sabemos nem como fazer a introdução, melhor ler logo a mensagem do leitor e tirar suas próprias conclusões.


Será que ele é?

Mulheres detetives, atenção: homens estilosos, vaidosos, adeptos da limpeza de pele e viciados no Esquadrão da Moda não são necessariamente gays, apesar do seu gaydar (o radar de gays) apitar nessas horas.


Encontre um amor que ame o mundo

Você encontrou o amor. Um amor daqueles arrebatadores, e grudou no cara e ele em você e vocês são incríveis juntos, e tudo o que pensam e respiram e falam é um sobre o outro.


Casal Recomenda: Ilustrações lembram que as mulheres são donas do próprio corpo

Esse post é mais um Casal Recomenda, um quadro que acontece toda quarta aqui no site, no qual damos dicas de conteúdos bacanas e inspiradores sobre sexualidade.


Coisas que você aprende quando decide escutar o seu coração

Nunca acreditei na escrita como forma de ensinar lições. Deve ser por isso que detesto auto-ajuda – porque o que é a vida se não aprender com nossos erros e seguir arrependidos, mas felizes com nossas próprias lições?


A arte de se (re)apaixonar todos os dias – você pratica?

Os filmes, novelas e livros com enfoque romântico costumam dar um especial enfoque na vida de casal quando ela ainda não se formou, ou seja, naquela fase embrionária da conquista e da paixão onde não existe nada muito sólido.


“Ficada troféu” – quando a conquista acontece só para impressionar os outros

No universo dos relacionamentos, a autoafirmação também é um fator que rodeia nossas atitudes. O que o outro vai achar da “manchete” sobre meu novo affair?